AME/RJ: 100 ANOS DE GLÓRIAS, LUTAS E VITÓRIAS


A Associação de Oficiais Militares Estaduais do Rio de Janeiro (AME/RJ) celebrou recentemente um século de existência.

Fundada em 18 de setembro de 1917, com a denominação Fraternidade Auxiliadora dos Oficiais Reformados da Brigada Policial e Corpo de Bombeiros do então Distrito Federal, foi reconhecida de utilidade pública pelo Decreto Federal nº 41.502, de 16 de maio de 1957, cuja última denominação social foi modificada por alteração estatutária para Clube de Oficiais da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros do Estado do Rio de Janeiro.

Sua sede inicial era localizada no sobrado da Rua Luiz de Camões, nº 36, no Centro do Rio, onde funcionava a sede da Sociedade Beneficente Luiz de Camões, com a qual compartilhou o imóvel até janeiro de 1919.

Como homenagem especial ao seu principal Sócio-Fundador e primeiro Presidente, considera-se como Patrono da AME/RJ o Tenente-Coronel PM Pedro Alexandrino de Andrade.

Como é do conhecimento de todo, o Coronel Fernando Belo manteve seu quarto mandato como Presidente da AME/RJ. A confiança do quadro social na atual Diretoria - constituída também pelo Vice-Presidente Administrativo, Coronel José Maria de Oliveira e Vice-Presidente Social, Coronel José Guilherme Neto -, é a certeza de que a AME/RJ está no caminho certo, e que, apesar das inúmeras adversidades sentidas a cada dia, ela permanece fiel aos seus princípios e intransigente na defesa dos seus Associados e das Instituições que representa: Polícia Militar e Corpo de Bombeiros.

Chegar aos 100 anos é para poucos. No Brasil isso pode ser considerado uma tarefa hercúlea. Mas a AME/RJ conseguiu, pois é uma entidade de classe honrada, íntegra e com reputação ilibada. Quando se trata de defender os direitos e anseios da família Policial e Bombeiro Militar, a AME/RJ é guerreira, destemida e lutadora incansável!

Parabéns, AME/RJ! Que venham mais 100 anos!!!

Especial 100 anos da AME/RJ - CLIQUE AQUI